Planejamento financeiro para intercâmbio: 4 custos variáveis

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Decidiu passar um tempo fora, estudando ou trabalhando? Que massa! Com certeza, vai ser uma experiência incrível! Porém, depois de tomar essa decisão, é importante pensar no planejamento financeiro para intercâmbio e isso envolve levar em conta os custos variáveis.

Eles são gastos que podem sofrer alterações, como moradia, alimentação, transporte, passeios etc. Diferentemente dos custos fixos, já previstos e sem possibilidade de mudanças, como é o caso das passagens, do passaporte e de vistos, é possível fazer apenas previsões aproximadas.

Se você vai para fora do país e quer saber como se planejar financeiramente, continue a leitura e descubra 4 custos variáveis possíveis em um intercâmbio!

Quais são os custos variáveis que mais pesam no bolso?

1. Moradia

Além de ser uma das questões mais importantes, a moradia também é um custo que pode variar durante o tempo em que se está no país estrangeiro. Afinal, o aluguel pode sofrer reajustes de acordo com os interesses de quem aluga. Ainda, você pode precisar se mudar caso consiga um emprego ou um estágio em local distante, por exemplo. A residência estudantil é uma boa maneira de economizar nesse quesito.

2. Alimentação

Dependendo dos preços dos pratos em restaurantes, pode ser mais vantajoso cozinhar por conta própria. Ainda assim, os valores dos alimentos no supermercado sofrem alterações. Quando isso acontecer, uma boa solução é modificar o cardápio. Em todo caso, é sempre bom reservar um valor extra para isso.

3. Transporte

O transporte é um custo necessário, mas que também pode oscilar. Isso porque se você usar carro, ônibus, metrô ou outro meio, o gasto pode ser maior ou menor. Além disso, é preciso considerar as possibilidades de variação no valor da passagem para o transporte público.

4. Passeios

A chance de estudar ou trabalhar fora também pode ser aproveitada para viajar e conhecer o mundo. Mas, antes de sair por aí, você deve saber que isso exige custos variáveis como preços de passagens, passeios, entradas em pontos turísticos etc.

Contato Agências Intercâmbio WEST 1Powered by Rock Convert

Como fazer um planejamento financeiro para intercâmbio?

Faça um checklist

Para não se esquecer de nada, é sempre bom fazer um checklist. Coloque os gastos do dia a dia em uma lista, como aluguel, água, luz, transporte, entre outros. A cada mês, confira se haverá dinheiro suficiente para bancar todos eles. Assim, você vai ter mais segurança e o risco de faltar grana no fim do mês vai ser menor.

Trace uma rotina

Traçar e seguir uma rotina também ajuda no planejamento dos gastos durante um intercâmbio. Isso porque, estabelecendo as tarefas e custos diários, é possível prever melhor as despesas e controlar o uso do dinheiro para que não haja desperdícios.

Saiba fazer câmbio

O câmbio é algo que geralmente faz parte da rotina de um intercambista e dá para economizar também nele. Para isso, pesquise as cotações constantemente e os valores em diferentes casas de câmbio. Sim, prefira esses locais, pois os bancos podem exigir taxas que podem impactar o seu planejamento financeiro mesmo que sejam baixas. Outra dica é fugir das casas de câmbio dos aeroportos, que geralmente oferecem condições piores.

Como você pôde ver, a decisão de morar fora do país é excelente para quem busca crescimento profissional e pessoal. Porém, antes de partir para a curtição e até mesmo durante a temporada fora, é muito importante que você elabore um planejamento financeiro para intercâmbio.

Avaliar os custos variáveis faz parte disso. Então, depois de conhecer quais são esses custos e entender mais sobre eles, que tal aplicar as informações e dicas dadas neste texto? Sem dúvidas, elas vão ajudar a controlar os gastos, garantindo um intercâmbio barato, e, assim, a não passar perrengue!

Quer outra dica? Não guarde este conteúdo com você: compartilhe nas redes sociais para que seus amigos também saibam como se programar para essa experiência!

 

[contact-form-7 id=”297″ title=”Receba as novidades do blog”]

Você também pode gostar

Deixe um comentário